4 de novembro de 2008

HUMOR, DIVINO SENTIDO DE HUMOR...

Nos dias em que os fantasmas do medo, da escassez, do pessimismo, da incomunicação e da insegurança parecem pretender instalar-se para reinar nada como uma boa dose de sentido de humor para desdramatizar.
Qual banca rota, qual crise financeira, qual crise politica, qual terceira guerra mundial afinal eles amam-se!
Depois todos os amantes precisam de inventar riscos e perigos para manter a chama acesa. Nada mais humano. Nada que seja novo,mas é preciso compreende-los com o mesma atitude amorosa com que compreendemos a nossa mente.


E a novidade consistirá talvez na reacção que se espera resultante de um Superior Estado de consciência e percepção traduzida num enigmático sorriso de compaixão imune a qualquer tipo de medo.

video

“ - Obrigado por partilharem as vossas ideias mas isso não tem que ser assim."

Afinal nada é o que parece.

Rosa Maciel

Sem comentários: